TOP BLOG

O MEU MUNDO

O MEU MUNDO

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

sábado, 20 de novembro de 2010

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

{poetas_maravilhosos} COMUNICADO FALECIMENTO NOSSO VICE PRESIDENTE CONDORCET ARANHA - AVSPE NOVEMBRO 19 - 2010 EFIGENIA COUTINHO



São filhos da terra e vivem mui mal,
Com mãos sofredoras, até retalhadas,
Grosseiras, sangrando, por fibras malvadas,
As fibras das folhas, do duro sisal.

Os corpos cobertos por parcos retalhos,
A pele tão rude em corpos, crianças,
Nos braços feridas cobertas com trapos,
Na mente, será? Carregam esperanças?

O sonho da escola? Promessas, mentiras,
Que embalam seus sonhos, em noite fantasma,
No agito da alma, entre crenças conflitas,
Rompe-se às vezes, na crise de asma.

Direitos humanos que enlevam assassinos,
Se prendem na mídia, se vangloriando,
Não vêem os apelos de tantos meninos,
Escondem com farsas, verdade ocultando.

Meninos que acordam aos raios de sol,
Que mal se alimentam e vão trabalhar,
Com carga nas costas, tal qual caracol,
Meninos que dormem à luz do luar.

Na ida e na volta, somente ilusões,
Durante a jornada? Bastante pressão.
Calados ruminam em seus corações,
A ira e o repúdio à voz do patrão.

O físico e a mente são fracos, sofridos,
O corpo cansado lhes vence a razão,
Não têm respaldo pra serem unidos
E assim são curvados, às leis do patrão.

Seus pais semivivos da situação,
Semicorpos vencidos a serem punidos,
Desprezíveis atores da escravidão,
Tiveram a alma e o corpo ungidos.

No abandono das leis e de seus governantes,
Alheios ao mundo, ao amor e aos carinhos,
Seguem os meninos em trilhas errantes,
Meu Deus! Por favor, salve os brasileirinhos.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

ENCONTRO DAS ACADEMIAS


A Fundação Pedro Calmon/Secult realizará entre os 15, 16 e 17 de outubro, I Encontro de Academias de Letras e Artes da Bahia, no Centro de Cultura Olívia Barradas na Cidade de Valença. Um dos objetivos do encontro é o reconhecimento e regulamentação das academias e a criação de um Fórum Permanente de Academias do Interior.

A Bahia iniciou seu projeto acadêmico em 1724 com a criação da Academia Brasílica dos Esquecidos, que durou menos de um ano. Passados 29 anos (1759) surge a Academia Brasílica dos Renascidos. Atualmente existe no Estado cerca de 80 Academias de Letras, Artes, Educação e Cultura. O Encontro visa a integração e desenvolvimento dessas instituições culturais.

A abertura do evento será na sexta-feira (15), às 18h, com a presença de escritores e autoridades políticas, seguido por apresentações culturais e artistas da região. Durante o Encontro, o público poderá visitar o estande com as publicações da Secretaria da Cultura /Fundação Pedro Calmon onde os livros serão colocados à venda.

Entre as mesas de discussões estarão temas como: As Academias de Letras: necessidade e função; Literatura baiana, a escola e o cânone; Adoção da literatura baiana ao currículo escolar; Diversificação de obras e autores baianos no processo de seleção para o ingresso no ensino superior; Ampliação do cânone da literatura brasileira; O escritor baiano e o mercado editorial; O lugar e o papel do autor independente; Como resolver o problema da distribuição dos livros das pequenas editoras e Leis e editais de fomento ao mercado editorial.

Compartilhar:

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Colégio Eduardo Bahiana (OFICIAL): PROJETOS E PARCERIAS

Colégio Eduardo Bahiana (OFICIAL): PROJETOS E PARCERIAS: "* FACULDADE JORGE AMADO * MATERNIDADE ALBERT SABIN * UNIÃO DAS ASSOCIÃÇÕES DE CAJAZEIRAS * PROJETO COMUNIDADE EM AÇÃO * PROJETO CONHECENDO O..."

RADIO ME


http://www.radiomee.com/inscription

domingo, 29 de agosto de 2010

REVISTA ZAP


LEOMÁRIA MENDES SOBRINHO

--------------------------------------------------------------------------------
{poetas_maravilhosos} Estaremos lá! Convidamos você!- Agência de Notícias do Acre - Iapen realiza seminário Mulheres em Situação de Prisão

--------------------------------------------------------------------------------
Revista zaP 29 de agosto de 2010 15:13
Responder a: poetas_maravilhosos+owners@googlegroups.com
Para: Grupo Jornal express , poetas_maravilhosos@googlegroups.com

sábado, 28 de agosto de 2010

A MINHA MÃE


A MINHA MÃE
A minha mãe tem no sorriso

Amor , consolo e doçura

Aconchego mesmo no paraízo

Tem mãe tão santa e tão pura.



Mãe que entre as mães eu sigo

A tua excelcia figura

Sabes bem quanto preciso

Ó mãe de tanta ternura.



Mãe que guardastes meus beijos

Meus sonhos e meus desejos

Dando-me um paraízo de alegria.



Ouve-me mãe esta prece

Que tua filha oferece

Em sua homenegem todos o dia.



AUTORA: LEOMÁRIA MENDES SOBRINHO

13/05/1972

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

sábado, 7 de agosto de 2010

PAI


video
PAI
EU QUERO LHE DIZER
PARA QUE JAMAIS VENHA ESQUECER
O AMOR QUE SINTO POR VOCÊ.

NÃO VAI
DEIXAR A SUA PREOCUPAÇÃO
ATRAPALHAR A NOSSA UNIÃO
A FAMÍLIA É FORTALEZA PARA O PÃO

PAIZINHO
QUE PARA MIM É IMPORTANTE
A SUA VIDA A TODO INSTANTE
PERMANECERÁ EM MEU SEMBLANTE.

CARINHO
PARA O MUNDO QUE A MIM ABRE
CULTIVANDO A MINHA PASSAGEM
PARA UM FUTURO DE VAIDADE.

MEU PAI
QUE ESTE TEMPO QUE ME FAVORECE
NEM O MUNDO DE TI ESQUECE
PORQUE SUA LEMBRANÇA NÃO ENVELHECE.

AUTORA: LEOMÁRIA MENDES SOBRINHO

terça-feira, 22 de junho de 2010

quarta-feira, 2 de junho de 2010

sexta-feira, 30 de abril de 2010

quinta-feira, 22 de abril de 2010

sexta-feira, 16 de abril de 2010

मुस POEMAS





































































FORÇA

TODOS SOMOS IMPORTANTES
CADA UM PARTICULARMENTE
TEMOS UMA FORÇA VITAL
QUE UNIDAS SE COMPLETAM
A NATUREZA PRODUZ IGUAL
O ALIMENTO COMO UM BEM GERAL
DEVEMOS CUIDAR DO QUE NOS CERCAM
DO PLANETA,
DO HOMEM,
DO NATURAL.
PARA TERMOS PAZ
DEVEMOS DAR AMOR
SEMPRE MAIS.





FOME

Corro e tento alcançar
-Não consigo!
Há obstáculos em meu andar.
Busco comida e me saciar
-É um delírio!
Eu queria dessa realidade acordar

Sentimento de revolta
Vazio na alma
Movimento de revira-volta
Estômago que o alimento acalma

Torso os meus ossos de dor
Minha cabeça dói de preocupação
A boca pede um sabor,
Um paladar, uma degustação

Sêca de amargura, minha língua está
A vista fica escura
Tenho até tontura
E vontade de vomitar

É um corpo frágil abstinente
De energia vital ou é semente
Sem terra, água e luz, reagentes
Para a vida são estimulantes

Não tenho mais forças para me levantar
As pernas estão fracas só querem sentar
Troco o raciocínio esqueço a razão
Tudo por um pedaço de pão.
02/06/2009

BIOGRAFIA


LEOMÁRIA MENDES SOBRINHO, NATURAL DE SALVADOR , NA BAHIA .NASCEU EM 13 DE NOVEMBRO DE 1962.FILHA DE LEONIDAS JOSÉ DE LIMA SOBRINHO E DE MARIA MENDES SOBRINHO, TEM TRÊS IRMÃOS, DOIS HOMENS E UMA MULHER. É CASADA E TEM UM CASAL DE FILHOS, MONIQUE ISABELLE SOBRINHO LIRA DE 20 ANOS E WILLIAM KENNEDY NÍCOLAS SOBRINHO LIRA DE 9 ANOS.FORMOU-SE EM LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO ARTÍSTICA COM HABILITAÇÃO EM DESENHO NA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SALVADOR.CURSOU DOIS MÓDULOS EM PÓS GRADUAÇÃO DE METODOLOGIA E DIDÁTICA DO ENSINO SUPERIOR, NÃO CONCLUINDO.EXERCEU A PROFISSÃO DE EDUCADORA.INTERESSOU-SE POR ESCREVER AINDA ADOLESCENTE.PARTICIPOU DO LIVRO POETAS BRASILEIROS DE HOJE 1985¨, ANTOLOGIA PELA SHOGUN E ARTE, RECEBEU MENÇÃO HONRROSA PELA REVISTA BRASÍLIA.PARTICIPOU TAMBÉM DA ANTOLOGIA ¨POETAS BRASILEIROS 2008¨, NONA EDIÇÃO DA APOLO ACADEMIA DE LETRAS.É MEMBRO DOS POETAS DEL MUNDO E MEMBRO IMORTAL DA ACADEMIA BRASILEIRA DE LETRAS,MEMBRO DA APOLO ACADEMIA DE LETRAS,PARTICIPOU RECENTEMENTE DO LANÇAMENTO DE SUA MAIS NOVA ANTOLOGIA EM CELEIRO DE ESCRITORES:GUIA DE AUTORES CONTEMPORÂNEOS EBOOK GALERIA BRASIL 2009.

VIOLÊNCIA ESCOLAR


Dentre os vários tipos de violência escolar e seus motivos existem a negligência dos profissionais em educação.É preocupante a situação intelectual dos pais para identificar e lidar com a problemática.
Na segunda série , terceiro ano do ensino fundamental, quando chegava a hora do recreio, o meu filho ficava sozinho, escondido de seus colegas e das turmas maiores, em sua sala de aula, sem que ninguém o visse.O discriminavam por ser gordinho.Ele estava com sete anos de idade, cinqüenta e dois quilos e mais ou menos um metro de altura.Os seus colegas queriam espancá-lo.Eu só tomei conhecimento do fato oito dias depois, mesmo com insistentes perguntas que eu lhe fazia depois das aulas tipo:-Como foi seu dia meu filho? , - Tá tudo bem no colégio? , - Alguma novidade na escola hoje?.Todos os dias , é um ritual de perguntas, porque eu, como mãe, me preocupo muito com o seu bem estar.
Depois que ele cedeu aos meus interrogatórios e que sentiu meu interesse e preocupação pelas suas atividades e pelo seu sucesso , no dia seguinte tratei de acompanhá-lo até a coordenação para esclarecer o ocorrido.Me espantei, pois o comportamneto dos orientadores nunca foi este:os professores e responsáveis não sabiam, acharam estranho, espantaram-se e justificaram duvidar da veracidade da queixa.Então passei a fiscalizar mais de perto, questionando comportamentos e telefonando sempre.Ao fazer as visitas freqüentes me demonstraram irritação com a minha presença.
Cobrei da escolinha um esclarecimento aos alunos sobre o acontecimento, já que estava afetando emocionalmente o meu filho e este não queria, nem mais ir ao colégio freqüentar as aulas.Tive que levá-lo ao psicólogo, ao neuro pediatra,e até ao psiquiatra.Solicitei a exposição da problemática da discriminação em sala de aula pelos monitores , mostrando que devemos aceitar as diferenças e questionei maior atenção aos comportamentos e as bricadeiras no horário escolar, onde , eu sei que a instituição é responsável pelo que ocorrer aos seus alunos dentro de suas dependências.Principalmente por se tratar de uma escola particular.
É muito difícil mudar o que não quer ser trasformado, resistindo talvez, por encontrar-se acostumado à rotina e achar pessoas que não questionem.
Tenho consciência das minhas obrigações como mãe e cidadã, aproximando-me cada vez mais da realidade de meu filho, procurando também ser a sua melhor amiga, numa relação de confiança, para que as barreiras do cotidiano sejem quebradas com facilidade, ajudando-o a entrozar-se numa sociedade onde as pessoas tem seus pontos de vistas diferentas.Para que ele não estranhe, não tenha medo ou receio de seguir em frente com seus direitos e deveres.
Quando abre-se uma empreza, acredito que, o seu produto deva ser vendido de forma correta e em se tratando do saber, haja-se um cuidado rigoroso, pois estará lidando-se com mentes novas e sedentas a assimilar o conteúdo que mais determinar o seu momento, ficando assim marcado em sua vida para sempre.




O HOMEM
O HOMEM É O CANAL,O ÚNICO CAMINHO PARA INTERMEDIAR,DESCOBRIR E APROVAR OS MISTÉRIOS DA VIDA.DEUS APENAS OBSERVA A TRAGETÓRIA PARA AGRACIAR AQUELE QUE CONSEGUE ALCANÇA-LO NUM GRANDE ENCONTRO PARA A EVOLUÇÃO.......LEOMÁRIA M.SOBRINHO



SOU MULHER!


SOU
EXECUTIVA, DIPLOMATA,INTELECTUAL,
PROFESSORA, AMANTE, COSTUREIRA,
ESPOSA, ARRUMADEIRA E ANIMAL.

SOU
PSICÓLOGA, FISIOTERAPEUTA, COZINHEIRA,
MÃE, IRMÃ, PARCEIRA,
FILHA, ADVOGADA, ETC E TAL.

SOU
ESCRITORA, ALUNA, ARTISTA,
CABELEREIRA, MODELO, PROCURADORA,
PESQUISADORA, ESTUDANTE, DENTISTA.

SOU
VIZINHA, COLEGA, SONHADORA,
TIA, AFILHADA, AGRICULTORA,
MADRINHA, AMIGA, REALISTA.

SOU
PLANEJADORA, ENGENHEIRA, DESENHISTA,
POLÍTICA, GARÍ, CANTORA,
TÉCNICA, AUXILIAR, TELEFONISTA.

SOU
RESIGNADA , RESISTENTE, PINTORA,
LOCUTORA, BILINGUI, FEMINISTA,
MÉDICA, A SOLUÇÃO, TRADUTORA.

SOU
O EQUILÍBRIO, , ADMINISTRADORA, EMOÇÃO,
VENDEDORA, PATROA, EMPREGADA,RAZÃO,
DEMONSTRADORA, SOCIALISTA,PRAZER.

NÃO PRECISO ME FORMAR PARA SER
DE BERÇO HERDEI MEU LUGAR
CHEGUEI PRA LUTAR E VENCER

INTELIGENTE, SENSÍVEL, CRIAÇÃO
DE DEUS, CRIATURA DA EVOLUÇÃO
FAÇA O QUE FIZER
ESTANDO COMO ESTIVER
SOU E SEMPRE SEREI MULHER.


RECICLAGEM HUMANA
Apesar de não ser de minha conta,queria maior esclarecimento sobre o fato.Vivemos em um país livre e democrático que deixa muito a desejar.O povo não tem a sua opinião respeitada, aliás, não houve tempo, pois o Congresso aprovou e são maioria.
Um grande investimento este de reciclagem de corpo humano, pois, com certeza reduzirá custos, principalmente se pensarmos que um dia não haveram mais enterros e obviamente nem cemitérios.Este já passou a ponto turístico e museu.Os coveiros ficarão desempregados ou farão parte do patrimônio tombado.Tal terreno será transformado depois do cansaço sem lucro em disponíveis para construção de casas populares.Esta poderá ser uma das futuras explicações, como já é o de cremação gratuita doada para famílias carentes.
Pegar em alça de caixão ficou incômodo e desconcertante.Não é chique.Com o crescimento acelerado da população é mais higiênico, prático e econômico.De que adiantou aquela campanha em que todos teríamos que tirar os documentos para sermos doadores ou não de órgãos?Ora, país em que, quem tem tempo não tem dinheiro e quem tem dinheiro não tem tempo.Subdesenvolvido, e a maioria de analfabetos. Onde o direito de escolha é democrático apenas para o voto.Um dia desses veremos exportação de órgãos para pagamento de dívida externa.Qual nada! O homem tá tão banal, desvalorizado que não vale mais nada, nem morto.Tivemos que refazer nossas identidades para não termos mais o direito de escolha, doar ou não nossos órgãos, num tema tão complexo à competição para a concorrência, já começou a aparecer na mídia , pessoas que em troca de seus órgãos querem dinheiro ou estabilidade.Futuramente será incentivo para assassinatos, tráfico, onde nossos filhos não poderão ir para escola mais sozinhos , pois, a nossa mente não deve pensar, a nossa voz é abafada, nossos olhos não podem enxergar e nem nossos ouvidos ouvir...
AUTORA; LEOMÁRIA M. SOBRINHO
27/10/2008

ETERNIDADE

UM DIA EU VOU MORRER E VOU VIRAR CHÃO
UMA MADEIRA ENTALHADA ,
UMA POEIRA OU UMA BARRA DE SABÃO.
DISSOLVER-ME NO PARAÍZO DA ETERNIDADE
PASSAR PARA O ESPÍRITO COMO UM PEDAÇO DE CARNE.
MOVER-ME ATÉ O NÚCLEO DA DIVERSIDADE
TRANSPARECER A MUTAÇÃO
PARA TER A EXPERIÊNCIA.
NÃO SUPÔR NEM TER RAZÃO
PERANTE A CIÊNCIA.
BUSCAR O MEU CAMINHO DE LUZ NA INFINIDADE.
VOU PERTENCER AO FASCÍNIO DA INEXATIDÃO.
APRENDER MATEMÁTICA E MAGIA DA OBSCURIDÃO.
SER OCULTO EM MISTÉRIO DE SONHOS,
ILUSÃO.
VIVER SEM CORPO,
SEM DESTINO,
UM CLARÃO.
UM DIA VOU PASSAR O PORTAL
VIAJAR PELA IMENSIDÃO.
VIVER COMO UM IMORTAL.
LIVRE,
SEM DIGITAL.


BRUXINHA

SOU UMA BRUXA BOAZINHA
QUE GOSTO DE ABUZAR
NÃO SEI DESARRUMAR
APENAS CATIVAR
SOU COMO UMA ESCOLINHA
QUE ADORA ENSINAR
E AOS AMIGUINHOS AMAR.

QUERO O MUNDO INTEIRO
COM ESPAÇO E DIVERSÃO
FLORES E FRUTOS EM MEU CANTEIRO
AMOR E UNIÃO
DENTRO E FORA DO CORAÇÃO.

NÃO QUERO VIDA SÓ MINHA
MAIS , UM CONJUNTO DE IRMÃOS
COMPLETAM MEU CAMINHO CRISTÃO
DE CORES DE AMOR VERDADEIRO
RICOS QUE NEM DINHEIRO
MAIS QUE PERFUME E CHEIRO
SOU A PODEROSA BRUXINHA




HOJE É O MEU ANIVERSÁRIO


HOJE É O MEU ANIVERSÁRIO
TODOS ME DESEJAM FELICIDADES
FICO SEM SABER SE É DO PASSADO,
DO PRESENTE OU DO FUTURO.HILÁRIO!
OS ANOS TIRAM AS MINHAS OPORTUNIDADES
E DEIXAM O MEU ROSTO MARCADO.

VOU COMEÇAR DE NOVO
NO CICLO DA VIDA
APORTAR-ME EM OUTRA SOCIEDADE
SURPREENDER-ME DE NOVIDADE
AUMENTAR O PASSO NUMA CORRIDA
SOU MAIS UMA SOBREVIVENTE NO MEIO DO POVO

SOU OBRIGADA A MENTIR
COM VERGONHA DE DIZER
A MINHA IDADE DEVO ESCONDER
LEVAR FAMA MESMO SEM TER
DE SER COROA, VELHA OU CAFONA
TENHO VAIDADE E SOU DURONA

HOJE É O MEU ANIVERSÁRIO
EM UM DIA DESSES EU NASCI
ME CRIEI E ENTÃO CRESCI
SINTO O TEMPO ESVAIR-SE
E A VIDA NÃO DEFINIR-SE
SERIA BOM SE COMEÇASSE TUDO AO CONTRÁRIO

O DIA É IGUAL AO DE ANTES
O SUBSEQUENTE SE PARECE COM O ANTERIOR
NÃO TEM MAIS SENTIDO
DE QUANDO EU ERA CRIANÇA
MOMENTOS TÃO DISTANTES
QUERO ALCANÇAR E NÃO CONSIGO
SÓ ME RESTA A ESPERANÇA
E SER AMADA E DAR AMOR!